Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]


 

...inúmeras vezes me deparo nas avaliações iniciais, clientes que me testemunham...corro, corro e não tenho massa muscular, é certo que emagreci, mas foi de forma saudável?...Não!! perderam gordura mas massa muscular também...

...vejam esta foto, elucidativa de como o nosso corpo reage ás solicitações de treino que lhes damos, quem é que vos parece mais saudável, como anseiam ficar, qual o caminho que querem seguir o longo ou o curto?...

 

...fazer muito cardio está fora de moda pessoal, cardio, cardio, mais cardio, os instrutores só sabem prescrever cardio, é o caminho mais fácil, mas para o insucesso...vamos sim fazer algum volume, mas partido, já ouviram falar de séries, podemos fazer a mesma distância, partindo o trabalho a ser feito...vantagens, inúmeras, menos tempo, mais recrutamento das reservas, melhoria da condição física e uma coisa que já falei num post anterior...tonificação muscular...

...não digo que nos  primeiros meses de treino, fazer exercício aeróbio num ritmo moderado  não vá gerar resultados a nível da queima de gordura e aumento da capacidade física. mas a partir do momento que o corpo se adapta, os resultados vão ser mínimos, é aqui que as pessoas e os instrutores caem no erro de aumentar o tempo de treino cardiovascular em vez de aumentar a intensidade desse mesmo treino...

...lembrem-se do post do EFEITO EPOC...estudos revelam os benefícios de não fazer muito tempo cardio...um estudo publicado no Medicine Science & Sports Exercise (*1)

Neste estudo, os investigadores compararam o cardio tradicional (longa duração com intensidade moderada) com o treino intervalado (curta duração com intensidade elevada).

Os indivíduos incluídos no grupo do cardio tradicional tiveram de pedalar na bicicleta ergométrica durante 60 minutos a 70% do seu volume máximo de oxigénio (VO2máx) – um indicador da condição física da pessoa. Executaram este protocolo de treino 5 dias por semana durante um total de 6 semanas.

Os indivíduos incluídos no grupo do HIIT executaram 7 ou 8 séries de 20 segundos a pedalar a 170% do VO2máx, alternados com períodos de descanso de 10 segundos. Fizeram-no também 5 dias por semana durante 6 semanas.

Apesar de os indivíduos de ambos os grupos terem aumentado a sua capacidade aeróbica, a capacidade anaeróbica só aumentou naqueles que fizeram HIIT (aumento de 28%), o que prova que este tipo de treino é o mais indicado para melhorar a condição física geral.

Além disso, comparem o tempo que os indivíduos do 1º grupo gastaram com o dos indivíduos do 2º grupo. O treino intervalado de alta intensidade é uma abordagem mais eficiente e mais eficaz.

e o melhor disto tudo e 100rodeios, é que: 

 

Treino intervalado queima mais gordura abdominal!!!

Uau!! pára tudo...

...verdade pessoal...saibam que é uma das coisas mais pesquisadas nos motores de busca... como queimar gordura abdominal mais rápido?

A resposta é simples...mais do mesmo...com treino intervalado...existem estudos feitos com população obesa que mostrou que este método de treino é bastante eficaz na redução da gordura intra-abdominal e a gordura visceral, bem como na tonificação muscular...

Post(o) isto...agarrem nessa vontade de vencer, treinem forte, peçam a ajuda de profissionais e voilá!! resultados saltam á vista...

Autoria e outros dados (tags, etc)


Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Calendário

Agosto 2015

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D


Links

  •